Brasil

O Instituto sobre Raça, Igualdade e Direitos Humanos trabalha para promover a igualdade racial e étnica das comunidades afrodescendentes e indígenas – uma abordagem única entre as organizações internacionais de direitos humanos. Trabalhamos com organizações afrodescendentes no Brasil, bem como com uma grande variedade de organizações que combatem a discriminação racial na América Latina ou que combatem a discriminação com base na orientação sexual e identidade de gênero.

Atualmente, os afro-brasileiros representam 52% da população brasileira. O trabalho do Instituto de Raça, Igualdade e Direitos Humanos no Brasil se concentra no fortalecimento da capacidade de nossos parceiros locais de combater a prática da discriminação racial e da brutalidade policial contra a juventude afro-brasileira nas áreas urbanas, através do monitoramento e da documentação de violações de direitos humanos e da assistência às vítimas que buscam acesso à justiça.

O Instituto também trabalha para fortalecer a Articulação das Mulheres Negras do Brasil, uma rede de 27 organizações, com o objetivo de tornar visível a discriminação racial de mulheres negras nos campos do trabalho e da saúde. Por fim, o Instituto trabalha para tornar visível a situação da população LGBTI afro-brasileira. Trabalhamos com a Rede Negra LGBT para tornar visível a situação dos afro-brasileiros discriminados por sua orientação sexual, identidade de gênero, raça e etnia.

O Instituto fortalece a capacidade de nossos colegas e líderes dos diferentes países em que trabalhamos para participar ativamente da Assembléia Geral da OEA, do Processo de Cúpulas das Américas e do Sistema Interamericano de Proteção dos Direitos Humanos; também no Comitê das Nações Unidas que monitora a Convenção Internacional contra Todas as Formas de Discriminação Racial (CERD) e no Comitê que monitora a Convenção contra todas as formas de Discriminação contra as Mulheres (CEDAW); através de treinamento, assistência técnica e incidência política.

Últimas notícias

Publicações

DOSSIÊ DA VIOLÊNCIA CONTRA A POPULAÇÃO NEGRA LGBT

Latest News

Organizaciones internacionales piden rendición de cuentas de Nicaragua ante Corte IDH por desprotección a personas defensoras de derechos humanos
Organizaciones internacionales piden rendición de cuentas de Nicaragua ante Corte IDH por desprotección a personas defensoras de derechos humanos
mayo 5, 2021
El Estado fue convocado por la Corte IDH para referirse a las medidas de protección dictadas a favor de integrantes del Centro Nicaragüense de Derechos Humanos (CENIDH) y de la Comisión Perm
Raza e Igualdad Llama Al Gobierno Colombiano A Detener La Represión De Las Manifestaciones Ciudadanas Y Exige Que Cumpla Con Sus Obligaciones Internacionales En Materia De Derechos Humanos
Raza e Igualdad Llama Al Gobierno Colombiano A Detener La Represión De Las Manifestaciones Ciudadanas Y Exige Que Cumpla Con Sus Obligaciones Internacionales En Materia De Derechos Humanos
mayo 4, 2021
Bogotá, 4 de mayo de 2021.- El Instituto Internacional sobre Raza, Igualdad y Derechos Humanos (Raza e Igualdad) expresa su máxima preocupación por las violaciones de derechos humanos deriva
AMARC-ALC, CPJ, IFEX-ALC, Race and Equality y Voces del Sur condenan el deterioro de la libertad de prensa en Nicaragua y exhortan a las autoridades nicaragüenses a garantizar el ejercicio de la libertad de expresión y de prensa.
AMARC-ALC, CPJ, IFEX-ALC, Race and Equality y Voces del Sur condenan el deterioro de la libertad de prensa en Nicaragua y exhortan a las autoridades nicaragüenses a garantizar el ejercicio de la libertad de expresión y de prensa.
mayo 3, 2021
Al conmemorar el Día Mundial de la Libertad de Prensa, las organizaciones que suscribimos el presente comunicado condenamos el grave deterioro a la libertad de expresión y de prensa que actu